segunda-feira, 12 de maio de 2014

O que deveria ser estudado nos tratos sociais



Entidades formam grupos cooperativos. Estes grupos cooperativos também são conhecidos como sociedades. As sociedades precisam ser regidas por regras para serem sustentáveis. O conjunto de regras que regem cada sociedade é chamado de trato. (ver diferença entre trato e contrato).

Os 7 tópicos filosóficos que abordarei sobre tratos:

1 - Discutir, filosofar e chegar a um consenso sobre liberdade e liberdade de escolha.
2 - As definições iniciais para compreensão deste tratado
3 - A importância da existência de regras revogáveis e irrevogáveis no tratado.
4 - Apresentar as motivações da criação do trato.
5 - Apresentar o propósito do trato.
6 - Apresentar o método para obtenção de um valor desejado pelos membros do tratado.
7 - Apresentar a forma da justiça (Perante o tratado).

As regras básicas que tornariam um trato atrativo e que trariam sucesso à sociedade devem:

1 - Discutir, filosofar e chegar a um consenso sobre liberdade e liberdade de escolha.
2 – Apresentar as definições iniciais para compreensão de um tratado (E do próprio tratado)
3 - A importância da existência de regras revogáveis e irrevogáveis em um tratado (E do próprio tratado). Apresentar os significados de regras revogáveis e irrevogáveis.
4 - Apresentar as motivações da criação do trato. (Os membros querem alcançar algo que consideram valoroso e utilizarão a cooperação, regida por este trato, para a obtenção de seus interesses também expressos no trato.
5 - Apresentar o propósito do trato. (O porquê dos membros quererem este valor e do porque pertencer a um tratado).
         - levar os seus membros a uma sociedade consciente, responsável e mais feliz (A sugestão é que o tratado pode oferecer isso se reorganizarmos e reclassificarmos nossas prioridades).
         - Se este trato for harmônico com o meio existente, respeitar os interesses da sua maioria, então um dos propósitos é o ensino do mesmo (Este tratado) aos membros de sua sociedade.
6 - Apresentar o método para obtenção deste valor.
         - Apresentar as motivações da existência das classificações revogáveis e irrevogáveis para a manutenção do trato.
         - Apresentar os propósitos da existência das classificações revogáveis e irrevogáveis para a manutenção do trato.
         - Apresentar os órgãos de atuação estratégicos da harmonia social e ambiental, os órgãos de atuação estratégicos do tratado e os órgãos de atuação estratégicos da manutenção do tratado, tendo cada um deles sua existência como sendo revogáveis ou irrevogáveis para a sociedade.
         - Apresentar o método de seleção das entidades que poderão pertencer à sociedade.
         - Apresentar as obrigações revogáveis e irrevogáveis do membro para com a sociedade e da sociedade para com o membro.
         - Apresentar os direitos revogáveis e irrevogáveis do membro para com a sociedade e os direitos da sociedade para com o membro.
         - Apresentar as formas revogáveis e irrevogáveis de como será garantido que os direitos e deveres de cada membro e da sociedade sejam cumpridos.
7 - Apresentar a forma da justiça (Perante o tratado).
         - Definir os conceitos filosóficos necessários à compreensão e execução da justiça.
         - Permitir a criação de sub-tratos que respeitem o trato superior (Este).
         - Garantir o ensino de como saber reconhecer os atos que serão considerados crimes revogáveis e irrevogáveis.
         - Garantir o ensino de como saber reconhecer os limites das punições revogáveis e irrevogáveis de forma simplificada.
         - Garantir a existência de órgãos responsáveis por ouvir os problemas sociais e direcionar ações para solucionar tais problemas seguindo as regras do tratado.
         - Garantir a existência de órgãos que impeçam as infrações ao tratado, sua dubiedade ou tentativa de adicionar ou alterar leis de forma que o mesmo fique contraditório ou que vá contra os objetivos do tratado ou que deturpe as motivações do mesmo.
         - Ensinar o tratado e a forma da sua execução para o alcance de seus objetivos a todos os membros (garantir a existência de órgãos para o ensino do tratado).
         - Garantir o funcionamento das regras do trato, o oferecer o meio, o órgão e a forma mais justa, mais simples e mais econômica seguindo a forma mais harmônica e sustentável com o meio externo e interno possível.




Observe que é possível a existência de outros tratos, sendo eles vizinhos, desde que nenhum membro infrinja nos interesses dos membros de outras sociedades.      
O que tornará um trato mais atrativo será sua capacidade de oferecer muitos benefícios em troca de poucas obrigações (Dentro do que as entidades conscientes consideram como benefícios interessantes e obrigações chatas. Observação: Muitos dos objetivos dos selvagens são ilusões e só podem se dispersar com uma filosofia profunda sobre suas motivações e prioridades).
Para definirmos o que é benefício, teremos que estudar o que seria priorizado por um membro da associação. Inicialmente, tentarei simplificar os interesses e as prioridades de vida de seres mais simples, até chegar ao mais complexo (nós).
O significado de Holística, que apresentarei mais a frente e se tornará um motivador potente, é também o entendimento da importância e a busca por conhecer sobre o universo e todas as suas naturezas. O que nos dá a capacidade de atingir, de forma descomplicada (pois aprendeu a holística), seus objetivos. E cooperando é mais rápido e fácil.
Descreverei alguns exemplos, de entidades classificadas pela ordenação de seus interesses e prioridades motivacionais de vida:
- Tipo Animal egoísta;
- Tipo Animal cooperativo;
- Tipo Humano egoísta;
        - Tipo Humano cooperativo;

 

         Ordens das prioridades notadas em algumas das Entidades:




O animal egoísta (Territorialista) prioriza:

         Para Sobrevivência deseja:
                   * longa vida:

Prever os perigos, desenvolver e executar as estratégias de sobrevivência.

                   * vida saudável:

Alimentar-se.

                   * ser o mais forte

Intimidar inimigos e concorrentes.

         ter Prazer:

                   * satisfação:

Bem alimentado, descansado, sem sede...

                   * prazer sexual
                   * ser o mais forte
Intimidar e repelir os inimigos e concorrentes.
Exemplo de entidade com este perfil: Tigre


O animal cooperativo (social) prioriza:
         Sobrevivência:
                   * longa vida:
Prever os perigos, desenvolver e executar as estratégias de sobrevivência.
                   * vida saudável:
Alimentar-se.
         Prazer:
                   * satisfação:
Bem alimentado, descansado, sem sede...
                   * prazer sexual
                   * interagir e cooperar com um ou outros indivíduos do grupo
         Social:
                   * interagir e cooperar com um ou outros indivíduos do grupo
Exemplo de ser com este perfil: Leão
O
animal passa a ter prazer na interação social.

O Humano egoísta (não se preocupar muito com as pessoas podem ser preguiçosas e podem levar outras a se tornarem preguiçosas também. Tem prazer com o sofrimento e frustrações alheias) prioriza a sí:
------ prioriza a si
 Prazer:
   * interagir e cooperar com um ou outros indivíduos do grupo
   * satisfação (bem alimentado, descansado, sem sede...)
   * prazer sexual
 Sobrevivência:
   * longa vida (prever os perigos, desenvolver e executar as estratégias de sobrevivência).
   * vida saudável (alimentar-se)
------ depois vem a sociedade
 Social:
   * interagir e cooperar com um ou outros indivíduos do grupo
   * holismo.
   * justa
 Emotivo:
   * interagir e cooperar com um ou outros indivíduos do grupo
   * Amar alguém, algum oficio...
Exemplo de ser com este perfil: Um político corrupto


E, finalmente, para o trato funcionar precisaremos de indivíduos do tipo:
O Humano cooperativo (modelo humano que buscamos para a sociedade) que priorize:
------- prioriza a sociedade
 Social:
   * interagir e cooperar com um ou outros indivíduos do grupo
   * justa
   * holismo
 Emotivo (Cultivar os valores emotivos):
   * interagir e cooperar com uns ou outros indivíduos do grupo
   * Amar alguém, algum oficio...
   * holismo
   * Amar a sociedade
------ depois vem a si
 Sobrevivencia:
   * vida saudável (alimentar-se)
   * longa vida (prever os perigos, desenvolver e executar as estratégias de sobrevivencia)
   * holismo
 Prazer:
   * interagir e cooperar com um ou outros indivíduos do grupo
   * Amar a sociedade
   * Amar alguém, algum oficio...
   * holismo
   * satisfação (bem alimentado, descansado, sem sede ...)
   * prazer sexual
Exemplo de entidade semelhante com tal perfil: Surfista Prateado, Capitão América, Jesus Cristo, Mahatma Gandhi, Homem Aranha, O filosofo Sócrates (469 a.C.)...
  


Existe um mínimo necessário à sobrevivência e esse mínimo é relativamente fácil para que qualquer cidadão possa atingi-lo, além de ser um dos objetivos do tratado, bastando um pouco de estudo e trabalho. O que pode ser definido como direito aos cidadãos?
Propriedade privada;
Privacidade;
Liberdade de locomoção;
Liberdade sobre o próprio corpo;
.
.
.
Outros?


vou me limitar ao direitos e liberdades de um cidadão. O resto, a felicidade, ele quem deve enxerga-la na obtenção seus direitos pelas regras do trato:

Propriedade privada;
Privacidade;
Liberdade de locomoção;
Liberdade sobre o próprio corpo;
Liberdade de exprimir-se;
Liberdade de pertencer ou não a um trato;
Direito de trabalhar pelo sistema;
Direito de investigar o sistema;


Constituição rascunhada tentando, abranger os a regras abordadas acima:
O Brasil precisa de uma nova constituição?

Nenhum comentário:

Postar um comentário