sexta-feira, 1 de maio de 2015

Pirataria entre culturas obrigatoriamente isoladas?


Porque a União Soviética tinha que cair, na visão dos EUA

As noticias mostram as motivações:
http://noticias.uol.com.br/ultimas-noticias/efe/2015/04/30/paises-sul-americanos-estao-na-lista-negra-da-pirataria-dos-eua.htm


O problema das disputas atuais é justamente esse: Leviatan.

Leviatan é um agrupamento de entidades que forma uma entidade maior. Mesmo que as intenções das pequenas entidades sejam boas, se não houver uma sincronicidade e um objetivo de se harmonizar com o meio, a soma das partes boas gera um resultado negativo. Tal entidade costuma ser regida por demandas internas, índices econômicos e bolsas de valores e suas culturas internas, e quando as decisões são mal ponderadas, justificam agressões à outros estados.

Identificar essas entidades não é muito difícil. Elas são identificadas quando as entidades se recusam a sentar em uma mesa redonda e discutir seus medos, necessidades e desejos de forma que se atinja uma confiança mútua garantida.

Nietzsche não capturou bem a idéia de übermensch quando afirma que se deve adquirir o poder. Mas para quê poder? A civilização, em todo o universo é uma só. Para garantir uma paz, todos deveriam chegar a um consenso: Todos querem garantias. Quem pensa reconhece que a nação não é a culpada em si. É somente um cavalo montado por gananciosos e imediatistas que só se preocupam com os próprios prazeres. Se fosse o contrário, já teriam todos se sentado e implantado as idéias dos filósofos da harmonia. A filosofia, o conhecimento, as idéias e os recursos já existem. Por que não mudam? Porque convém!

Basta um grupo de psicopatas no topo da hierarquia para que um Leviatan acorde.  Leviatan sofre da mesma síndrome que algumas entidades menores. Pela ignorância temem o futuro e o próximo:

"A justiça sem poder é vazia. Mas o poder sem a justiça é apenas violência." (Oyama - O Lutador Lendário).




Diferenças culturais e a incompatibilidade da economia medieval com humanos cada vez mais inteligentes

Link sobre os Sentineleses: http://www.jornalciencia.com/meio-ambiente/diversos/3533-ilha-sentinela-do-norte-conheca-o-lugar-mais-dificil-de-visitar-no-mundo

Na Ilha Sentinela do Norte devem existir jovens curiosos e que sonham em conhecer outros povos. Mas devem ser censurados pelos shamans e caciques que devem temer a mudança da ordem das coisas. Como no mito da caverna. Será que eles nos veem como demônios? Será que eles nos veem como deuses? Será que sua agressividade não se deve a tentativas anteriores de invasões?
Nossa sociedade, com medo de interferir em sua cultura, prefere mantê-los lá, isolados, justificando que poderíamos transmitir alguma doença a eles. Na minha opinião, isso é um grande equivoco. Isola-los é mantê-los uma experiência. Uma redoma. Na ignorância. Manter seres inteligentes na ignorância não me parece correto. É o mesmo que não querermos que os loucos dos manicômios voltem a lucidez. 1% de nossa população anseia pela chegada de seres extraterrestres não só por curiosidade, mas pra ajudar na quebra de preconceitos. Na minha opinião deveríamos interagir com os sentineleses. Mostrar o que existe aqui "fora". Ahhh Luiz, mas ai você estaria tirando o direito deles descobrirem a física, a mecânica, a química, a mecânica quântica... (Risos! Muitos risos!)
Será que eles possuem algum tipo de economia e o mundo aqui "fora" teme quebra-la causando seu colapso social?

Nossa cultura doente teria que rever pra quem pagaria royalties e outros direitos de patentes se o mesmo ocorresse conosco. Eu iria rir muito disso. A Samsung, Apple e o Google parariam com a estupidez da competição de patentes. O que mais de interessante aconteceria? Pra que deus o EL iria louvar? O Maomé ou a Lesma cósmica divina?

Se nos propusermos a não tomarmos suas terras duvido que causemos um colapso social. Que civilização idiota viria aqui, podendo cruzar distancias tão longas pra tomar nossa água ou ouro? Júpiter está aqui do lado pra eles. Titã tá cheio de gás...

Se no coletivo tratamos estes povos assim, então merecemos ser tratados assim também, pois acho que é universal a frase: trate os outros como gostaríamos de ser tratados. 
Se pensamos em "protegê-los" de nossa cultura, então não estamos preparados para um contato extraterrestre.

Pelo mesmo "respeito" que damos as outras culturas, eles conheceriam nossos medos.
Somos uma tribo numa ilha esférica no meio de um oceano de estrelas. 


Disparidades entre nações por abuso do uso de patentes:

Tenho visto um novo diferencial de potencial causado pelo que pode e o que não se pode patentear aqui no Brasil.
Por exemplo, no país A é possível patentear tudo. até métodos e processos. já no Brasil, não. Então onde o autor disso pode registrar sua idéia e gerar um novo ponto de difusão para sua idéia?



Essa questão de patentes, direitos autorais, deve ser discutido com o mundo inteiro. Se não, poderia piorar a situação do país caso ele simplesmente decida mudar a cultura de sua própria população sem sintonia com o resto do mundo.

Esse filosofia medieval de patentes vão tornar as relações entre os países perecidas como no tempo da URSS.
Porque este sistema é burro e gerenciado por burros imediatistas:
http://www.dw.de/ag%C3%AAncia-alem%C3%A3-ajudou-nsa-a-espionar-fran%C3%A7a-e-ue/a-18419858

Como um governo socialista que pagou tudo para a formação de seus cidadãos permitiria, que assim que um médico se formasse, se ele desse um passeio em um país capitalista e descobrisse que viver lá seria mais interessante. Quem pagaria o investimento feio ao governo socialista? Este foi  motivo da guerra fria e o fechamento das fronteira.

É um exemplo quando vemos atletas cubanos muito bem colocados em olimpíadas pedirem asilo. Infelizmente a idéia de louco de levantar muros fez foi piorar as relações sociais. É normal que no capitalismo, o progresso chegue mais rápido por existir o medo da necessidade e da competitividade. No mundo socialista o medo e a competitividade é menor. A espionagem, por qualquer uma das partes seria terrível para qualquer dos sistemas. Não pode haver outro resultado, medo entre A e B, criação de muros e tentativas de espionagem industrial.

O banco de dados para as patentes e registro de direitos autorais do mundo deveria ser único e ser analisado constantemente por softwares de inteligência artificial. Impossível! Vamos gastar todos os nossos recursos em criptografia e espionagem? Estas palhaçadas de espionagem são da era romana, quando o conhecimento era mínimo e a ganancia muita, apesar de já ser injustificada.

Ao aceleramos o difusionismo do mundo, melhoramos o meio onde vivemos.
http://pt.wikipedia.org/wiki/Difusionismo


Seguindo ainda mais essa abordagem, imaginei o quão vantajoso seria uma multinacional explorar essa diferença. Por exemplo, se aqui é proibido patentear uma coisa, que melhor laboratório eu teria para explorar uma idéia? Depois é só registrar em um país onde se permita isso ou se permita aquilo...
Quem vê e pratica isso e não credita ao verdadeiro autor é comumente chamado de que? Não conheço palavra que se encaixe melhor do que "ladrão".

Um software feito por exemplo nos EUA sairia caríssimo enquanto um feito no Brasil é bem barato. não estamos dando o devido valor aos métodos e processos. Nos EUA sua população reconhece e cobra o valor dos métodos utilizados e custos de suas patentes.

Existe uma forma de "espionagem industrial legal" facilmente levantada diante desse diferença de potencial econômico gerado pela proibição de se patentear x no pais A e não proibição de se patentear x em B, como mostro na imagem.

Este modelo não é sustentável.


Internete e a estabilidade econômica atual


As ideias não possuem raízes. Os "pulsos" de ideias que se propagam pela sociedade na era da internet vem de todos lugares. Eles só estão no poder porque não existe uma sincronização entre nossas sociedades ainda. A internet é nova e ainda e tá fervilhando de idéias. Só precisa que um tenha uma excelente idéia e queira sincroniza-la com o mundo. Existem pessoas querendo mudar isso pra melhor e podemos ter certeza de que isso vai acontecer mais cedo ou mais tarde. Estes gigantes guiam ainda porque não foi apresentado um modelo melhor. ver isso sendo discutido na palestra mostrada acima já é um bom indicio de que o mundo tá percebendo que ainda estamos tentando utilizar modelos comerciais medievais. É incompatível com a formação de uma sociedade civilizada (que queira lançar naves espaciais) ficar cercando tudo quanto é substantivo de proteção autoral e direito de patente. No futuro vão considerar a cultura atual como uma doença infectocontagiosa.



O Império Galático, o comercio com ETs capitalistas e a ética.

Vamos supor que uma empresa privada descobrisse uma forma extremamente rápida e barata de cruzar grandes distancias (http://gizmodo.uol.com.br/nasa-comeca-a-trabalhar-em-uma-versao-real-da-dobra-espacial-de-star-trek/) e decidisse ficar quieta e passasse a fazer comercio com o resto da galáxia, deixando o resto aqui sem nem mesmo saber disso. O que acharia se descobrissem que a maior empresa do mundo está fazendo isso com o mundo? Eu me sentiria espantado como um aborígene que nunca viu um homem da cidade e ficaria muito puto da vida por sermos tratados por outros humanos como animais de uma reserva. Acho que os Sentineleses vão sentir o mesmo se os deixarmos lá por muito tempo. Eu queria saber qual seria a reação de vocês. Como vocês se sentiria em relação aos donos dessa empresa?




Macacos

Alguém me entende quando eu chamo alguns de macacos?
https://www.youtube.com/watch?v=ZY2z12ORYJI
https://www.youtube.com/watch?v=Q-X3gGKyq0M
https://www.youtube.com/watch?v=vax07wT0a-I



Idéias que substituiriam os modelos atuais

Como construir um contrato justo para todos:
http://tivideotutoriais.blogspot.com.br/2014/05/o-que-deveria-ser-estudo-nos-tratados.html

Rascunho de uma constituição humanista (É o que pude fazer de melhor. Aceito sugestões de melhoria)
http://ideiasdeprogramacao.blogspot.com.br/2013/03/brasil-precisa-de-uma-nova-constituicao_6.html

Tenho um posicionamento de que sempre irá existir Estado. Se ele morrer, logo, com a evolução social, ele é criado. Sempre vai surgir a necessidade de se pensar em gestão da coletividade pra minimizar custos. Não existe como fugir disto. Quando vejo alguém dizendo que o fim do Estado seria algo bom, eu desconfio, pois termina em revolução armada que gera no final uma ditadura. Ver o caso das guerrilhas na África hoje. Mas como qualquer um, eu também não gosto de como as coisas estão ocorrendo. Tenho vontade de revolucionar esta bagunça toda. Acabar com a corrupção e dar uma cartilha simples para que qualquer um tenha conhecimento de seus direitos e deveres. Acredito que é possível fazer isso sem uma revolução armada.

Estou elaborando uma estrutura para um governo bem mais próximo do anarquia do que o modelo atual. Temos que distribuir as responsabilidades.

A humanidade evoluiu bastante quanto as formas de governo e hoje temos recursos pra melhora-la mais ainda. Vou citar a ordem em que a participação popular vai crescendo:

1º Monarquia
2º Democracia representativa - consulado - (senadores da roma e grecia)
3º Ditadura (pós guerra - ou inicio de sociedade tribal):
4º Democracia direta (3 poderes de Montesquieu)
5º Democracia direta por discernimento
6º Anarquia completa (Utopia - seja capitalista, seja comunista)

A humanidade não está preparada para o 6º estágio porque para isso, cada indivíduo deveria ser capaz de ter sua própria indústria pra produzir qualquer coisa. De comida à sua própria nave espacial se desejasse, além de poder ser autossuficiente na manutenção da sua indústria e de seu próprio corpo. Ou seja, quero dizer que ainda não temos tecnologia pra alcançar este grau. Falar em acabar com Estado... Não tem futuro.

Podemos até falar em dividir, unificar, mudar sistema de governo e até o sistema econômico, mas acabar com o Estado é uma idéia que não tem futuro, pois como disse, a necessidade de se agrupar pra redução de custos sempre vai existir. Todo mundo sabe que o Estado sempre vai ser necessário por isso.

O que proponho é o 5º passo. Onde podemos acabar com Presidencialismo, Senado e Câmara dos deputados e de vereadores. Mantendo um governo realmente distribuído e sem salários. Hoje o conhecimento está mais distribuído e temos meios de transmiti-lo com maior velocidade que na época em que Montesquieu desenvolveu a idéia dos 3 poderes. Cito aqui, como seriam populados os dados para a visualização das demandas.
http://www.guj.com.br/java/277972-cidades-software-de-gestao-de-recursos-confiaveis

Tenho algo pra apresentar sobre isso, mas sem mais gente interessada em sugerir e melhor o sistema e constituição, o projeto vai ficar só piloto.


Querido bando de macacos, civilização é uma só!

Nenhum comentário:

Postar um comentário